Este Portal utiliza a tecnologia de cookies para melhorar sua experiência de navegação.

Para maiores informações, acesse nossa página de Política de Privacidade.

adulteração

Justiça Federal autoriza operação para verificar venda de álcool em gel adulterado

30 de abril de 2020 - 13:28
Este navegador não suporta o leitor de texto.
Pessoa segurando um tubo coletor de exame com a etiqueta escrita COVID - foto toda em tons de azul
JFPR no Facebook
JFPR no Twitter
JFPR no Whats

A Justiça Federal do Paraná autorizou o cumprimento de mandados de busca e apreensão para verificar a venda de álcool gel com percentual alcoólico abaixo do indicado no rótulo dos produtos para a Polícia Federal. Os mandados expedidos pela 1ª Unidade de Apoio de Curitiba foram cumpridos pela PF na manhã de hoje (30/04).

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), a Superintendência da Polícia Federal do Paraná adquiriu 32 (trinta e dois) galões de álcool em gel para uso dos servidores e colaboradores. A compra foi realizada diretamente do fornecedor, mediante a utilização de recursos oriundos de Suprimento de Fundos, tendo em vista a situação excepcional e urgente de combate e prevenção à pandemia do Covid-19. 

A investigação começou há 15 dias, quando o Setor Técnico Científico (SETEC)  identificou que um lote do produto estava com percentual bem abaixo do indicado – cerca de 30% a menos -, portanto, perdendo em sua função. Chamada de Operação Acqua Gel, as buscas tiveram como objetivo identificar outros lotes da fabricante com o mesmo problema e constatar se foram feitas vendas com produtos adulterados para outros órgãos governamentais e hospitais. A operação foi desencadeada em  São José dos Pinhais, Pinhais e Fazenda Rio Grande.

Outras notícias

Todas as notícias
JFPR no Facebook (link externo) JFPR no Twitter (link externo) JFPR no Flicker (link externo)  JFPR no Youtube (link externo) JFPR no Instagram (link externo)

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www.jfpr.jus.br