Este Portal utiliza a tecnologia de cookies para melhorar sua experiência de navegação.

Para maiores informações, acesse nossa página de Política de Privacidade.

SENTENÇA

Justiça Federal condena réus da Operação Gun Express

3 de fevereiro de 2021 - 18:09
Este navegador não suporta o leitor de texto.
JFPR no Facebook
JFPR no Twitter
JFPR no Whats

A Justiça Federal condenou 15 réus por crimes de associação criminosa e tráfico internacional de armas de fogo. A sentença é do juiz federal da 14ª Vara Federal de Curitiba, resultado da operação Gun Express, deflagrada pela Polícia Federal em março de 2020, que apreendeu armas de fogo enviadas pelos Correios, em Curitiba.  

A quadrilha enviava armas de fogo, acessórios e munições importadas do Paraguai via encomendas postais pelos Correios. De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), o grupo criminoso era composto por integrantes do Paraná, Bahia e Rio Grande do Norte.

Segundo o MPF, o grupo do Paraná importava as armas de fogo a partir do Paraguai e as remetia aos destinatários finais e a outros integrantes da região nordeste, seja via Correios, seja via transporte terrestre – efetuado pelos próprios investigados e agentes cooptados, com “batedores” vigiando a carga.

Os grupos residentes nos estados do Rio Grande do Norte e da Bahia recebiam os armamentos e os utilizavam ou repassavam a terceiros, distribuindo armas para diversas cidades brasileiras. O pagamento dos grupos do nordeste era realizado aos integrantes do Paraná através de depósitos e transferências bancárias, muitas vezes utilizando-se de “contas de passagem” e pessoas interpostas.

As penas aplicadas pelo juiz federal variam entre privativas de liberdade em regime fechado, regime semiaberto, restritivas de direito e multas aplicadas a todos os condenados. 

Tópicos relacionados

Outras notícias

Todas as notícias
JFPR no Facebook (link externo) JFPR no Twitter (link externo) JFPR no Flicker (link externo)  JFPR no Youtube (link externo) JFPR no Instagram (link externo)

Aplicativos Eproc

Loja Google Play Loja App Store
www.jfpr.jus.br